Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP

segunda-feira, julho 11, 2011

O patinho feio



Quem primeiro sentenciou foi a minha filha, baseada em fatos reais e nas minhas preferências hollywoodianas - Javier Bardem, Benicio del Toro, entre outros. As amigas foram na onda, concordaram, repetem exaustivamente o bordão, e foi assim que eu ganhei a fama de só gostar de homem feio.






Em defesa da tese devo dizer que, em alguns casos, eu caprichei. Até eu reconhecia que o sujeito era feio como a dor da morte, ou uma visão do inferno - de um jeitinho carinhoso e risonho, se é que é possível dizer que alguém é a visão do inferno de forma carinhosa, mas vá lá, era carinhosa sim.



Até que, recentemente, me vi tendo que escolher, numa situação hipotética lançada por uma amiga, uma vez que não é o caso deles estarem aos meus pés, suspirando e chorando ou duelando pelo meu amor, entre um beeeem feio e um, vá lá, mais bonitinho.



- Qual deles você escolheria? ela perguntou


- o Feio.



E aí ela começou meio que a querer saber porque eu prefiro os feios, porque eu escolho direto os feios, desprezo os bonitos bla bla bla. Então, cabe aqui um esclarecimento público antes que Clive Owen desista de me convidar para jantar por achar que não teria a menor chance.



Novamente a comparação não cabe, porque é a eterna confusão entre o hardware e o software. Eu também gosto dos bonitos. Duma coxa musculosa, uns ombros largos, uns traços bem-feitos sem ser fofo demais. Taí William Bonner que não me deixa mentir, alguém pode dizer que aquele homem é feio? Não é que eu desprezaria um clone do Brad Pitt, jamé!



O que acontece é que a beleza masculina, apesar de eu apreciá-la, não é fundamental na minha lista. E o que acontece, também, é que é comum os homens bonitos se acharem umas dádivas da natureza, que a mulher já está no lucro por eles terem lhe dado atenção, e que ela tem de praticamente ser agradecida a ele pela deferência.


Aí vem o feio: com senso de humor, atencioso, sedutor, galante, educado e te tratando como se você fosse a última tigelinha de açaí da academia.



Quem ganha a parada? O feio, claro.



No caso especifico da grande hipotética disputa acima mencionada pela minha pessoa, eu ainda não escolhi ninguém. Vamos esperar para ver como se sai o bonitinho para ver se a minha fama se fortalece.

4 Comentários:

Anonymous Rosana disse...

Assim também, né, covardia, feio fofo. Mas que Nicholas e Javier são uó, vai ter que ganhar muito ponto de fofurice.

9:35 PM  
Blogger Renatinha disse...

Também acho Clau, o feio se esforça muito mais por merecer nosso amor.... rs e tenho dito que eu tb não diria não para o Brad caso ele queira me chamar para um jantarzinho, fique claro, mas que um Javier tem cara que sabe fazer o "serviço" muito melhor.... ah! isso tem.... rs
beijos
Re

4:49 PM  
Blogger Cláudia disse...

Num é, Re? também acho, não sou pobre soberba de dispensar um bonito, mas que os feios costumam ser melhores, lá isso costumam!
bj

7:21 PM  
OpenID semmandamentos disse...

Ahhhhhhhhhhh eu me vi nesse post!
Eu tb adoro um feio!! kkk
E minhas amigas tambem me apontam logo o mais feinho dizendo: "Ó um feio ali pra você paquerar"

Mas a minha teoria é como a sua. Beleza é bom...mas pra mim decididamente não é fundamental.
Inteligencia,bom humor me ganham!

Depois de ver que não estou só nesse mundo...já me sinto até mais normal!! :D

7:42 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial