Minha foto
Nome:
Local: São Paulo, SP

sábado, julho 12, 2008

Natan, 6 anos

Pegou um cartãozinho e escreveu:

Carol, vai ter festa junina na minha casa, eu quero que você venha, você vem?
( ) sim
( ) não
ass. Natan


Pediu ajuda pra mãe, para entregar pra menina, porque tava morto de vergonha.

- Que festa junina o quê, menino! Não vai ter festa nenhuma aqui em casa, e além do mais a mãe dela não vai deixar ela vir brincar aqui bla bla bla...

Pronto, agora a gente já sabe onde é que são podadas para todo sempre as boas iniciativas masculinas.

7 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

Um dia o filho nº 1, com uns 7 anos, fez uma cartinha pra uma menininha com um anjinho desenhado e dizendo "você é linda, mais que demais, você é linda sim"...etc. Bom, eu nunca que ia deixar ele entregar, afinal eu guardei muito melhor que ela, certo?
Mãe de Cueca* também sofre.
Bjs. Rosana.
*copyright Ana Téjo :)

4:51 PM  
Blogger Cláudia disse...

Isso, tá vendo, depois viram uns trogloditas e a culpa é de quem????

10:10 PM  
Blogger Ana disse...

Culpa das mães. A culpa por todos os defeitos masculinos sempre é das mães, pode acreditar!

10:37 PM  
Blogger "a" MH disse...

mãe de menino é sogra em potencial, desde sempre. Que comportamento vcs esperavam delas?? rs

e o Natan INVENTOU uma festa junina só pra chamar a menininha pra brincar com ele? Pô, se a mãe não fosse tão "sogra" até daria a tal festa, o filho merecia...

10:34 AM  
Blogger Cláudia disse...

Então, foi o que a outra costureira da confecção falou: fosse eu, tinha feito pipoca e bolo de fubá, colocava umas bandeirinhas, e ainda falava pra ele chamar mais uns dois pra ficar com cara de festa junina!
E ela também é MÃE DE CUECA.
beijo

12:09 PM  
Blogger Re disse...

Era uma vez... E foi neste exato momento que mais um homem aprendeu a nunca mais tratar bem uma mulher...
The end

2:21 PM  
Blogger Cláudia disse...

mh, foi, ele tinha inventado a tal festinha só pra arrumar um pretexto pra menina ir lá.

Re, pois é, aí crescem e dão no que dão, e fica todo mundo sem saber onde é que o caldo entornou.

beijo

3:34 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial